UNIFACS beneficia mais de 27 mil pessoas em ações desenvolvidas em 2020

UNIFACS beneficia mais de 27 mil pessoas em ações desenvolvidas em 2020

Empatia e solidariedade: dois importantes aprendizados que marcaram 2020. Pessoas e instituições deram diversos exemplos da importância de ajudar uns aos outros e na UNIFACS este é um valor importante e que sempre pautou as ações acadêmicas. 27.569 foi o número de pessoas beneficiadas através dos projetos de extensão da universidade apenas este ano. Foram 821 alunos envolvidos em 628 ações realizadas até o dia 15 de novembro.

Priscila Carvalho, líder de Extensão Comunitária e Responsabilidade Social da UNIFACS, entende que nenhuma instituição é isolada. “Sempre devemos considerar a comunidade e o ambiente ao redor. Através das ações da Extensão Comunitária, a UNIFACS tem o propósito de conectar o setor acadêmico à sociedade por meio da oferta de práticas de diversas áreas, no intuito de promover o bem-estar, o desenvolvimento local e, também, transformar vidas e atitudes através da educação”, afirma.

“Além disso, a partir do voluntariado, o estudante desenvolve competências importantes para sua futura atuação profissional, que torna o seu aprendizado diferenciado e socialmente responsável”, completa.

Ações

Foram oferecidos serviços como consultoria online e gratuita para declaração do imposto de renda para a população de Salvador e de Feira de Santana, aulas de português online e gratuitas para imigrantes, triagem de animais em campanhas contra o câncer de mama e de próstata, entre outras.

Durante a Semana de Responsabilidade Social, a UNIFACS promoveu diversas ações voluntárias e gratuitas como rodas de conversa, palestras, oficinas, cine debates e atendimentos online.  Através de eventos tradicionais como a Calourada, a universidade incentivou a doação de sangue por parte dos alunos e, durante a Gincana Solidária foram arrecadados 2,8 mil itens para doação.

Pandemia

Especificamente sobre a pandemia de Covid-19, 300 máscaras de proteção foram entregues a detentas baianas, assim como Face Shilds que foram doados para hospitais de Salvador. A UNIFACS também emprestou manequins para que profissionais da saúde pudessem treinar a “intubação orotraqueal”, procedimento feito exclusivamente por médicos em unidades de emergência. Houve ainda acompanhamento do cadastro para auxílio emergencial para a população.

Compartilhar

Falar via WhatsApp Fale via WhatsApp
Usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para auxiliar na navegação, aprimorar a experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo do seu interesse. Consulte mais informações no Aviso Externo de Privacidade..
Prosseguir