Professor da UNIFACS conquista prêmio internacional de inovação no ensino

Professor da UNIFACS conquista prêmio internacional de inovação no ensino

A UNIFACS venceu mais uma competição internacional da Laureate. Desta vez, o prêmio foi para o professor Rodrigo Spínola, do Mestrado em Sistemas e Computação, que concorreu ao Prêmio David Wilson com a pesquisa “Apoio ao ensino baseado em evidência em cursos de engenharia de software através da organização de dados empíricos utilizando uma família de surveys globalmente distribuída” *.

Rodrigo1A premiação tem como objetivo valorizar e incentivar pesquisas sobre inovação e aprendizagem no ensino superior. “Muitas vezes, professores de disciplinas relacionadas à engenharia de software necessitam de uma fonte confiável de conhecimento originado da indústria de software que possa apoiá-los na aproximação da teoria à prática. Neste projeto de pesquisa, assumimos que o conceito de dívida técnica pode ser utilizado como meio de reduzir essa distância”, explicou prof. Rodrigo.

A pesquisa de cooperação internacional também conta com uma equipe de 44 pesquisadores de 11 países (Brasil, Arábia Saudita, Chile, Colômbia, Costa Rica, Chile, Estados Unidos, Finlândia, Índia, Itália e Noruega), além de centros de pesquisa de instituições de ensino de referência como Carnegie Mellon University (EUA), Universidade de Maryland (EUA), Universidade de Oslo (NOR) e Universidade de Milão (ITA).

Conquistas

O reconhecimento completa a lista de prêmios internacionais conquistados pela UNIFACS, que já foi vencedora do James McGuire e Here for Good. “A UNIFACS, especialmente o nosso corpo docente, está em festa e muito orgulhosa por se ver tão bem representada através da conquista do Prof. Rodrigo. De todos os prêmios da Laureate, o David Wilson era o único que ainda não tínhamos conquistado”, lembrou a reitora da Universidade, Profª. Marcia Barros.

IMG_5606Para o prof. Rodrigo, o sentimento é gratidão. “O prêmio David Wilson se junta a diversos outros que temos recebido nos últimos anos e, de certa forma, coroa todo o esforço dedicado por nosso time de pesquisa que hoje é formado por mais cinco pesquisadores doutores, três alunos de doutorado, três de mestrado e nove de iniciação científica. Sou muito grato a cada um deles pelos resultados que temos obtido”, afirmou.

Investimento

O projeto tem sido realizado ao longo dos últimos dois anos e não para por aqui. “Além da visibilidade que a premiação traz para nosso time, outro impacto direto da premiação está associado à obtenção de recursos. Com o recurso obtido, poderemos incrementar a disseminação dos resultados da pesquisa em algumas das principais conferências e periódicos da área. Também faremos investimentos em infraestrutura e software de análise de dados”, revela o especialista, que recebeu o prêmio no valor de US$ 17 mil dólares para a pesquisa.

*Supporting Evidence-Based Teaching in Software Engineering Courses through the Organization of Empirical Data from a Globally Distributed Family of Industrial Surveys

maira.cortes