Orgulho LGBTQIA+: live sobre Direitos Humanos acontece nesta quinta (1º)

Orgulho LGBTQIA+: live sobre Direitos Humanos acontece nesta quinta (1º)

“Orgulho de quê?”, diversos criadores de conteúdo se posicionaram em seus perfis de redes sociais no último dia 28 de outubro, quando se comemora o Dia Internacional do Orgulho LGBTQIA+, se referindo aos altos índices de violência contra essa parcela da população. No entanto, ainda é preciso avançar bastante nesse tema. Por isso, nesta quinta (1º), a UNIFACS promove a live Orgulho LGBTQIA+: um bate-papo sobre Direitos Humanos.

Participam a coordenadora do curso de Serviço Social e Presidenta do Conselho de Respeito à Diversidade, Cultura da Paz e Direitos Humanos da UNIFACS, Suzana Coelho (@szcoelho) e Gustavo Soares (@gutosoaresf), formado em administração pela universidade, empreendedor e homem trans. A transmissão acontece às 18h no perfil oficial da UNIFACS no Instagram (@universidadesalvador).

Tem se discutido bastante sobre a questão da diversidade e do respeito, porém Suzana Coelho acredita que esse debate ainda está numa fase muito inicial. “Nós viemos de uma sociedade muito conservadora, preconceituosa e excludente. Atualmente, vivemos um momento em que alguns grupos minoritários estão conseguindo pautar suas demandas, mas por mais que a gente fale que o debate sobre diversidade está ampliando, me parece que na prática isso não acontece muito. O que podemos comprovar através das notícias na imprensa”, afirma.

“Precisamos entender que esse compromisso como uma demanda coletiva da sociedade com a garantia dos Direitos Humanos, com a defesa dos direitos das pessoas LGBT, das mulheres, dos negros, das populações quilombolas e indígenas. Essas lutas são extremamente importantes para construir uma sociedade mais justa, mais igualitária e mais inclusiva”, garante Suzana. “Como educadora, acredito que devemos trazer essas conversas mais para a escola, desde as séries iniciais, trabalhando a questão do respeito, das diferenças que existem na nossa sociedade. Somente através da educação vamos conseguir chegar próximo à sociedade que a gente almeja”, completa.

Compartilhar

Falar via WhatsApp Fale via WhatsApp
Usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para auxiliar na navegação, aprimorar a experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo do seu interesse. Consulte mais informações no Aviso Externo de Privacidade.
Prosseguir